As velhas e boas greves

Os trabalhadores do comércio estão em mobilização permanente por reajustes de salários e melhores condições de qualidade de vida.

Os trabalhadores de hospitais e clinicas particulares prometem greve por tempo indeterminado, são 14 meses com salários congelados.

Essas duas categorias são as mais exploradas no setor privado, mas nosso país vive um momento de ascenção na politização e mobilização de todos os ciclos da classe trabalhadora.

A classe média e burguesa se desespera com a luta por melhores salários dos trabalhadores, antes caracterizados de comodistas, alienados, medrosos. Diria um revoluncionário: “O único medo do trabalhador é perder o medo”.

É a velha e boa luta de classes emergindo seu germe da destruição da classe patronal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s